servicos

google adwordsPor Eliana de Souza

Para melhorar a experiência do usuário e do anunciante os responsáveis pelo Google AdWords analisaram a forma como cliques são executados na rede de display. A atualização mais recente apresenta o bloqueio automático de cliques em várias situações que costumam resultar em cliques acidentais nos anúncios.

O que mudou?

- A borda da imagem está bloqueada para cliques: Para ter acesso ao site ou aplicativo do anunciante, os usuários precisam clicar na parte mais central da imagem.

- Cliques bloqueados no ícone do aplicativo: em anúncios intersticiais no aplicativo, não é clicável o ícone do aplicativo de um anúncio de instalação porque fica muito próximo do botão de fechamento do anúncio. O usuário que se interessar precisa acessar pelo botão de call to action para chegar a uma página da loja de aplicativos e instalá-lo.

- Adição de um atraso de clique: os anúncios passam a ser clicáveis depois que eles aparecem na tela por um curto período. Com esse tempo o usuário pode analisar o conteúdo do anúncio e avaliar se interessa evitando cliques acidentais.

Vantagens

Essas mudanças na qualidade dos cliques melhoram a experiência do usuário que permanece no website ou aplicativo desejado, não sendo direcionados involuntariamente para outra página. Também favorecem os anunciantes com a diminuição de custos de cliques acidentais e o crescimento das taxas de conversão.

Segundo informações do Google AdWords, já foi observado um aumento médio na taxa de conversão de 15% em anúncios gráficos, em virtude dessas atualizações. Em longo prazo, estima-se que os anunciantes podem melhorar ainda mais o desempenho direcionando o valor economizado com cliques acidentais para suas campanhas da Rede de Display.

 

Fonte: Google AdWords