Por Eugênio Calixto

Como você já deve saber, aquelas palavrinhas que aparecem em negrito em muitos textos de sites e blogs na internet são chamadas de palavras-chave. Elas nada mais são do que termos inseridos para que o Google as ferramentas de busca coloquem seu conteúdo entre os resultados de pesquisa quando alguém procura sobre algum assunto relacionado.

Mas também é importante saber que as palavras-chave são divididas em duas categorias: as genéricas e as de cauda longa. Enquanto as palavras-chave genéricas são compostas por um único termo ou dois, geralmente, as de cauda longa (long tail em inglês) são mais específicas e próximas do conteúdo que você quer divulgar.

E COMO FUNCIONA?

Digamos que você tenha uma loja virtual que vende roupas, acessórios e equipamentos esportivos em Curitiba e quer aumentar o número de visitas para a sessão de calçados, colocando ela na primeira posição dos resultados de buscas orgânicas. Mas palavras como “lojas de tênis” ou “tênis esportivos” são muito genéricas, o que faria com que as pessoas não encontrassem seu site, afinal, milhares de outras lojas do mesmo segmento fazem uso desses termos.

Entender quem é o seu público-alvo faz toda diferença nesse momento, já que suas palavras-chave de cauda longa devem ser aquelas que especificariam exatamente o interesse de compra do seu potencial cliente. Então, os textos dessa sessão seriam focados em palavras como: “lojas de tênis esportivos em Curitiba”, “comprar tênis macio corrida”, “loja de chuteiras Curitiba”, etc.

[Passo a passo] MAS COMO ENCONTRAR E APLICAR AS PALAVRAS-CHAVE DE CAUDA LONGA?

#1. Faça uma pesquisa
Para definir quais são as palavras-chave de cauda longa a serem trabalhadas é preciso realizar uma pesquisa sobre os termos mais relevantes para a empresa. Se ela tiver um blog, por exemplo, cada conteúdo terá um tema principal que, por sua vez, estará atrelado a uma palavra-chave. Dessa forma, por meio de uma lista de palavras, você pode definir quais serão suas específicas.

Ferramentas como Keyord Planner ou o Ubersuggest podem ajudar. Para utilizar o primeiro, inclusive, você só precisa de uma conta do Google. Aí basta acessar o planejador de palavras-chave, digitar um termo genérico e deixar que o próprio Google preencha com palavras-chave de cauda longa.

#2. Evite palavras genéricas
Mesmo para os profissionais da área de Marketing Digital, encontrar palavras-chave de cauda longa é um grande desafio. Isso porque, ao invés de direcionar seus esforços nos interesses específicos do público-alvo, eles continuam usando as palavras-chave genéricas, que são altamente competitivas e não trazem um bom resultado orgânico.

Mas a verdade é que ter um conteúdo bem otimizado com palavras-chave de cauda longa pode ser mais fácil do que se pensa. Imagine o seguinte: se você precisa escrever um texto sobre uma receita de lasanha para um site culinária, por exemplo, por que utilizar simplesmente “lasanha” como palavra-chave se pode usar palavras como “preparar lasanha”, “como preparar lasanha” ou “lasanha a bolonhesa”?

#3. Mas não use palavras muito longas
Palavras-chaves de cauda longa com 11 a 20 caracteres são ideais, trazendo melhores resultados, segundo pesquisas realizadas pelo site Search Engine Watch.

QUAIS SÃO AS VANTAGENS?

Quando trabalhadas de forma correta, as palavras-chave de cauda longa trazem os melhores resultados para o seu conteúdo. Veja só:

Objetivo alcançado: Se o seu conteúdo estiver na primeira página, entre os primeiros resultados da pesquisa, as chances de clique no link são muito maiores, já que o usuário pode encontrar no seu site o que estava procurando.

Custo baixo: palavras-chaves de cauda longa oferecem maior ROI (Retorno sobre Investimento) do que pesquisa paga, pois os termos utilizados são respostas às pesquisas feitas pelo público-alvo.

Maior aceitação: Ao otimizar seus textos com palavras-chave de cauda longa eles serão bem vistos pelos mecanismos das ferramentas de busca. Consequentemente, você terá os visitantes certos dentro do seu site.

Converse com quem entende do assunto
Além das palavras-chave, existem também outras técnicas eficazes de otimização que contribuem para melhorar o posicionamento do seu site na internet. Ter uma agência com profissionais especialistas no assunto tende a trazer ótimos resultados.

A Conceito Ideal realiza um estudo completo sobre sua empresa, destacando pontos positivos e negativos, analisa quem é o seu público-alvo e oferece soluções a curto, médio e longo prazo. Assim, você não se preocupa com a criação de estratégias de vendas online que não domina, focando seus esforços no que realmente importa: atender bem seus novos clientes.

Quer melhorar o posicionamento do seu site na internet? Entre em contato com a nossa equipe e conheça nossos serviços.